‘Esperamos que o gás caia 30% pelo menos’, diz Guedes

Uma das grandes promessas da campanha do Bolsonaro em 2018, era que com o governo dele o gás de cozinha iria diminuir, parece que eles ainda estão pensando sobre isso e o Paulo Guedes conta tudo a respeito dessa diminuição.


O ministro da Economia aqui no Brasil, Paulo Guedes, falou nesta terça-feira, 8 de setembro de 2020, que vai acontecer uma redução no valor do preço do gás de cozinha, o esperado é que o preço reduza 20% pode chegar até 30%, se a nova Lei for aprovada, no caso seria a Lei do Gás.

A youtuber chamada de Esther Castilho falou sobre esse tema, antes de ocorrer a reunião ministerial que foi realizada nessa terça-feira.


Com a orientação do atual presidente do Brasil, Jair Messias Bolsonaro, vale dizer
que esse questionamento sobre do gás de cozinha ocorreu devido a Bento Albuquerque, que é o ministro de Minas e Energia, o homem acabou se equivocando e falou: “pergunta para o Paulo Guedes”.

Paulo Guedes respondeu que com o apoio do ministro Bento, o governo está aprovando a Lei do Gás Natural e ele ainda revelou que vai ocorrer um choque de energia barata. Guedes também disse que o governo espera que o preço do gás caia 20% ou 30% no mínimo.


Vale dizer que o novo marco legal que seria para o mercado de gás natural aqui no Brasil, acabou de ser aprovado na Câmara na última semana.

Esse texto, no qual tem as principais pautas do interesse do governo atual, vai passar por uma análise dos senadores.


Foi realizado um cálculo do governo federal, que indica que com essas novas regras para o setor em questão, é possível destratar os investimentos no valor de até R$ 43 bilhões.

Fonte: R7