Prorrogar auxílio emergencial e criar Renda Brasil são prioridades do Governo

Prorrogar auxílio emergencial e também criar Renda Brasil são atualmente as prioridades do Governo.

O foco do governo de Jair Bolsonaro nesse segundo semestre do ano, não são as reformas tributária muito menos a administrativa, porém para aprovar no Congresso Nacional a prorrogação mais uma vez do auxílio emergencial e a também a criação do programa social Renda Brasil que vai substituir o Bolsa Família.

O Palácio do Planalto já fez orientação para alguns líderes a começar a fazer as negociações neste sentido.
De acordo com um assessor presidencial, isso não quer dizer que o governo brasileiro não tenha interesse em aprovar a nova reforma tributária, pelo contrário, esse ainda é um desejo.
Mas, o assessor acaba destacando que no momento o enfrentamento da pandemia do vírus Covid-19 demanda manter uma proteção social nesses próximos meses.

Fora isso, existe o componente político. O programa do auxílio emergencial acabou aumentando a aprovação de Bolsonaro, principalmente na região Nordeste, local onde ele perdeu na última eleição presidencial.

Congresso vai dar prioridade máxima ao pedido sobre calamidade do vírus, diz Alcolumbre

O que quer dizer? Isso quer dizer que a manutenção do benefício neste ano e a também a incorporação pelo Renda Brasil são estratégias para a criar campanha da reeleição de Bolsonaro.

De acordo com os auxiliares do presidente, o atual governo quer definir uma estratégia com seus aliados no Congresso para conseguir aprovar a prorrogação do auxílio emergencial e a também a criação do Renda Brasil a partir do próximo ano.

Via: G1.com